Últimas Publicações

Cuidado para não cair

Após a anexação da Criméia ao Império Russo em 1783, Potemkin, um dos nobres preferidos da Corte, organizou uma viagem da rainha Catarina ao sul do país, através dos territórios recém conquistados. Ela ficou maravilhada, pois em cada vilarejo que a comitiva chegava era saudada por dezenas de pessoas alegres e em clima de festa. Feliz com a demonstração de carinho não prestou atenção nas pessoas, não percebeu que em todos os locais onde passava era saudada pelas mesmas pessoas, pagas para essa demonstração de alegria e festa.

Diariamente algo parecido acontece conosco, feito pelo inimigo de nossa alma. Ele nos apresenta as mesmas tentações, mudando apenas sua roupagem. Ele nos tenta naquilo que sabe que temos mais propensão a cair e, quando nos preparamos para resistir a uma tentação, volta com ela, mas com “roupagem diferente, no fundo, é a mesma coisa e tem o mesmo objetivo, afastar-nos dos caminhos do Eterno.

Por esta razão Pedro nos aconselha a ter cuidado, pois o inimigo anda ao nosso redor bramando como leão buscando a quem tragar (I Pedro 5:8), Paulo afirma que as tentações são muito fortes, como dardos inflamados, pois não lutamos contra carne ou sangue, mas contra as potestades do mal (Efésios 6:11-17). Uma escritora cristã contemporânea escreveu que cada tentação resistida nos fortalece para outra mais forte, mas a cada tentação cedida nos tornamos mais fracos para a seguinte.

Quando aqui esteve Cristo foi terrivelmente tentado, mas a tudo venceu no poder do Pai e nos aconselha a vigiar e orar constantemente, pois não sabemos quando chegará o tempo de sermos fortemente provados (Marcos 13:33). Jamais confie em si mesmo, entregue-se ao Pai e deixe-O operar em sua vida, a vitória será certa.

Gelson De Almeida Jr.Cuidado para não cair

Artigos Relacionados