Últimas Publicações

# Luz

candeiaSe há um testemunho maravilhoso com que nos deparamos quando conhecemos um verdadeiro discípulo de Cristo, é estarmos diante de alguém capaz de amar tanto as revelações da Palavra que as internaliza em sua vida, transformando-se a olhos vistos. Muitos diriam: “Esta pessoa é uma bênção”. E é exatamente isso. Uma bênção porque se permite transformar-se, contudo, maior ainda, quando dessa forma influencia positivamente o mundo à sua volta.

Converter-se é transformar-se, é receber luz para resplandecer, e é, sobretudo, se permitir conjugar-se lâmpada para os que estejam na escuridão. Há uma sabedoria judaica que interpreta as palavras do Eterno quanto ao uso do melhor azeite para a menorá no seguinte sentido: “Não é para mim que acendem a lâmpada, mas para as pessoas que ainda estejam na escuridão”.

A palavra da nova aliança revela o magnífico ensinamento do Mestre enquanto o registra afirmando que ninguém acende uma candeia e a esconde. Pelo contrário, coloca-a em lugar apropriado para que possa iluminar a todos os que estão na casa. Portanto, assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus. Palavras de vida eterna!

A Palavra nos guia de tal forma segura através dessa existência obscura e tortuosa que é o mundo, que faz necessário entendermos o quão tamanho relacionamento requer de nós um aprofundamento consistente em sua sabedoria, passando da letra para o espírito, vivenciando-a sobremaneira, internalizando seus mandamentos para que resplandeçam. O testemunho depende disso. Nós dependemos disso para crescermos.

Cumprir o mandamento é bênção, afinal, afirmou o Eterno: “Prestem atenção! Hoje estou pondo diante de vocês a bênção e a maldição. Vocês terão bênção se obedecerem aos mandamentos do Senhor”. Muito bem, contudo bênção maior diante dos olhos de Deus é fazermos resplandecer essa luz que dos mandamentos recebemos e por ela somos transformados.  A senhora White tem um depoimento em seus testemunhos que diz: “Todos exercemos uma influência que fala a favor da verdade ou contra ela. Desejo levar comigo as inconfundíveis evidências de que sou uma discípula de Cristo”.

Que a luz do Eterno, bendito seja o Seu nome, resplandeça em nós, alcançando a quem dela precise.

Feliz sábado!

Sadi – Um Peregrino da Palavra

Sady Folch# Luz

Artigos Relacionados