Últimas Publicações

O Estranho “Sim” de Deus – Parte II

Deixem com Ele todas as vossas preocupações e ansiedades, pois ele está sempre cuidando de vocês” (I Pedro 5:7 – BV).


Quero recordar uma história conhecida de muitos, a do homem, cujo navio naufragara e estava sozinho numa ilha deserta. Para aguardar o resgate construiu uma cabana, onde se sentia abrigado e seguro. Diariamente clamava ao Pai pedindo pelo resgate. Certa manhã saiu pela ilha em busca de alimento, quando voltava, de longe viu uma fumaça, em desespero correu, pois vinha da direção de sua cabana, mas, quando chegou, não pode salvar absolutamente nada, o fogo consumira tudo. Sentiu-se o pior dos humanos, ficou chateado com o Eterno, nem sua cabana protegera!

No dia seguinte, ainda afundado em seus pensamentos, ouviu vozes vindas da praia, olhou e viu uma pequena embarcação que se aproximava, dentro dela um grupo de marinheiros viera até a ilha ver se precisava de ajuda. Surpreso com tudo aquilo perguntou como souberam que ele estava ali, eles disseram que o capitão do seu navio vira o sinal de fumaça e os enviara para ajudá-lo.

Além de nem sempre responder nossa oração do modo como desejamos, em algumas ocasiões o Eterno permite que o objeto de nosso maior amor, ou nossa maior devoção, seja tirado, afim de que Ele possa agir de modo mais completo por nós e em nós.

Muitas vezes somos míopes, até mesmo completamente cegos, quando se trata de enxergar o futuro, mas isso não deve nos deixar desanimados, pelo contrário, devemos confiar nEle, pois sabe o que é melhor para nós e, se não o atrapalharmos, Ele fará muito mais, e melhor, do que possamos imaginar.

Talvez, há muito, você peça algo ao Pai, não perca a fé, pode ser que exatamente agora Ele esteja se movimentando para atender sua súplica. Não desanime nunca, apenas confie e se entregue em Suas mãos, no devido tempo receberá muito mais do que pediu ou imaginou.

Gelson De Almeida Jr.O Estranho “Sim” de Deus – Parte II

Artigos Relacionados