Últimas Publicações

O Que Jesus Faria?

J. R. Miller (1840-1912) conta a história de um jovem casal que tinha recém contraído núpcias. Desde os primeiros dias o casamento parecia fadado ao fracasso. As desavenças eram constantes e o casal, em diversas ocasiões, trocou pesadas injúrias. A mulher relata que esperava o marido se preparando para revidar qualquer tipo de atitude mais hostil. Certa noite, durante o jantar, a briga foi intensa e a mulher largou o marido à mesa e foi para o quarto. Assim que entrou viu um quadro com uma representação de Cristo com a pergunta: O que faria Cristo?

Chegou à conclusão de que Ele faria muito diferente se estivesse em seu lugar. Começou a agir conforme imaginava que Cristo agiria. O marido notou a diferença, quando chegava em casa ela não mais se exasperava se ele perdia a calma. Certo dia perguntou-lhe o que acontecia e ela lhe contou. Naquele mesmo dia ajoelharam-se à beira da cama e firmaram um propósito de procurar fazer apenas o que Cristo faria.

As coisas que faz em seu dia a dia você as faz segundo seus instintos ou, antes de cada atitude a tomar, se pergunta: O que faria Cristo? Pode parecer engraçado, mas não deveríamos fazer nada que Ele não faria, por exemplo: não comprar uma roupa que Ele não compraria, não se alimentar de um modo que Ele não se alimentaria, não olhar o que Ele não olharia, não ir onde Ele não iria, não falar o que Ele não falaria e assim por diante.

Experimente fazer isso em sua vida, talvez fique perplexo ao descobrir que, praticamente tudo aquilo que faz, o faz segundo sua vontade e instinto, e não como Cristo faria, isso porque um de nossos principais traços de caráter/personalidade é o egoísmo. É por esta razão que em sua carta aos filipenses Paulo aconselha que tenhamos o mesmo sentimento que havia em Cristo, o sentimento de humildade, entrega e submissão ao Pai (2:2-8).

O que faria Cristo? De hoje em diante faça essa pergunta em todos os momentos de sua vida e seja feliz.

Gelson de Almeida Jr.O Que Jesus Faria?

Artigos Relacionados