Últimas Publicações

Pequenas Coisas

Horas atrás, quando escrevo, parte de um viaduto, em uma alça de acesso à “Marginal Pinheiros”, cedeu cerca de dois metros (foto ao lado). Felizmente ninguém se feriu com gravidade, mas tente imaginar o susto dos ocupantes dos veículos que trafegavam pelo viaduto logo após ele ceder. Especialistas e autoridades disseram aos repórteres que a causa provável para a catástrofe foi a infiltração de água no local, num processo que levara anos até a enorme estrutura ceder.

Vendo a reportagem e a explicação dos especialistas, comparei com nossa jornada cristã. Parecemos ser fortes, impolutos e resistentes a qualquer coisa, quem nos olha nos acha inabaláveis, ninguém imagina que possamos ser derrotados/destruídos. Mas, no instante de maior glória e força caímos, derrotados por uma tentação do inimigo. Nos assustamos, os outros ficam boquiabertos. Em realidade, porém, o ceder à tentação, foi apenas a parte final e visível de um processo que durou muito tempo, possivelmente anos.

Escrevendo sobre a apostasia do povo de Israel no Jordão, uma autora cristã contemporânea escreveu que ninguém vai da pureza e santidade à depravação, corrupção e crime de imediato, mas que ocorre, no coração, um processo demorado, uma longa operação preparatória desconhecida ao mundo, antes que cometamos francamente o pecado. Eva, Balaão, Davi, Sansão, Judas e outros tantos pecaram porque deixaram o mal crescer dentro de si, serviram de escândalo porque, pouco a pouco, trocaram os caminhos do Eterno pelos seus.

Salomão, em uma grande metáfora, afirma que são as pequenas raposinhas que estragam as vinhas (Cantares 2:15). Uma pequena quantidade de água, passando por onde não devia e se acumulando onde não podia, causou um estrago monumental no viaduto. Nesse caso, semanas de trabalho e alguns milhões resolverão o problema, mas na vida espiritual poderemos não ter essa oportunidade. Portanto, não permita que nada, nem ninguém, o afaste dos caminhos do Pai, se afastar é fácil demais, voltar é doloroso e muitos não conseguem fazê-lo.

Gelson De Almeida Jr.Pequenas Coisas

Artigos Relacionados