Últimas Publicações

Que Deus é esse!

Tempos atrás, falando a um grupo de pessoas, sobre a maneira como o Eterno nos olha e como nos trata de modo muito mais bondoso e complacente do que nós mesmo nos trataríamos, comentei sobre a genealogia de Cristo (Mateus 1:1 a 16). Mesmo vivendo longe da sociedade machista retratada na Bíblia, fica difícil entendermos as cinco mulheres que aparecerem na árvore genealógica de Cristo.

Se nos fosse dado o direito de escolha, dificilmente as quereríamos em nossa família. Vejamos cada uma delas: Tamar, fingiu ser prostituta para ir para a cama com o sogro; Raabe, prostituta profissional; Rute era moabita, povo oriundo de um incesto entre um pai bêbado, Ló, e sua primogênita; Bate-Seba, mulher de Urias com quem Davi teve um caso e a camponesa Maria, mãe de Jesus. Que lista!

Provavelmente você diga que aceitaria todas elas em sua família, isto porque conhece toda a história, mas coloque-se no lugar de seus contemporâneos, gostaria que alguma delas fosse sua nora? Mais que aceitar sua situação, o Eterno as aceitou em Sua família e permitiu que fossem ancestrais terrestres de Seu Filho, o Salvador da humanidade. Isto nos permite tirar algumas lições acerca do Eterno:

  • Ele não faz acepção de pessoas, para Ele todos são iguais, independente de sexo, raça, credo, cor da pele, situação financeira, posição social, etc.;
  • Ele não se importa com o passado de ninguém, avalia apenas o presente e a disposição em fazer Sua vontade;
  • O instrumento mais indigno entre os seres humanos poderá ser o de maior valor em Suas mãos;

Não há caso perdido para o Ele, todos são dignos de Seu amor, misericórdia, compaixão e graça e, como tal, candidatos ao Reino. Se tudo falhar ao seu redor lembre-se de que a mão do Eterno sempre está estendida para você.

Coloque-o em primeiro lugar em sua vida, faça dEle o Senhor de seus pensamentos e ações e Ele o colocará numa posição onde nunca imaginou estar.

Gelson De Almeida Jr.Que Deus é esse!

Artigos Relacionados