Últimas Publicações

Que hora para adorar!

“(…) Jó se levantou, cheio de tristeza, rasgou o manto e rapou a cabeça. Ajoelhou-se, colocou o rosto junto ao chão em adoração… louvado seja o nome do Senhor”. (Jó 1:20 e 21 – BV)


Por que Jó adorou a Deus desse modo? Ele era, o homem mais rico do Oriente, consequentemente, do mundo conhecido. Possuía 7.000 ovelhas, 3.000 camelos, 500 juntas de bois, 500 jumentos. Além de todos esses bens, possuía ainda 7 filhos e 3 filhas e grande número de empregados. De repente, essa lista se reduz a apenas 4 empregados. Quando recebe a notícia se ajoelha e adora o Eterno.

Além disso Jó perdeu também a saúde, foi atacado por uma chaga que lhe causou feridas da raiz dos cabelos à planta dos pés. Raspavas suas feridas purulentas com cacos de cerâmica. Era difícil definir o que era pior nele, se o aspecto ou o cheiro, vindo das feridas. Mesmo assim ele não mudou sua relação com o Eterno.

Como você agiria caso perdesse, em um dia, praticamente tudo o que possui? Como ficaria seu relacionamento com o Eterno? Lembro-me que, num momento de grande perda em minha vida, tive a ousadia de orar ao Pai e dizer-lhe o quanto estava chateado e que, por esse motivo, deixaria de ter minha comunhão com Ele durante algum tempo, até que minha tristeza passasse. Pior que Lhe falar isso foi que, assim como falei, eu fiz. Como fui tolo!

Após toda sua saga, com exceção dos filhos e filhas, Jó recebeu de Deus o dobro de tudo o que possuía antes (Jó 42:10), pois o Eterno é fiel e galardoador dos Seus filhos. Ele não espera menos de você e de mim hoje. Nada nos acontece sem que Ele saiba/permita, confie nEle. O melhor sempre será feito para e pelos Seus filhos. Seja fiel a Ele, louve-O, adore-O e dê-Lhe graças em tudo, a recompensa está a caminho.

Gelson de Almeida Jr.Que hora para adorar!

Artigos Relacionados