Últimas Publicações

Quo Vadis?

caminhosPara onde vais? Ao longo do Seu ministério Cristo foi questionado várias vezes, inclusive pelos doze, mas, pouco antes de ser crucificado, quando falava da vinda do Consolador e de Seu retorno aos Céus, queixou-se dos discípulos por não lhe haverem feito essa pergunta (João 16:5).

Hoje, enquanto dirigia e refletia sobre o episódio, entendi um pouco mais sobre as razões de Cristo ter sido tão íntegro e firme ao longo de Sua vida entre nós. Ele fez o que fez, porque sabia de onde viera e o que deveria fazer aqui, pois conhecia muito bem seu destino final. Isto deu sentido à Sua Missão e Ele permaneceu firme em todas as ocasiões em que foi confrontado pelo mal.

Diferente dEle, vivemos como se o amanhã não existisse, erramos por não focar nossa vida no destino final. Por desconhecer para onde vamos, embarcamos em viagens agradáveis, mas cujo destino final é catastrófico (Provérbios 14:12). A vida oferece caminhos que não levam a lugar algum, curvas e atalhos que nos conduzem a precipícios, túneis que são escuros e sombrios do começo ao fim.

Lewis Carrol afirma que para quem não sabe para onde vai qualquer caminho serve. Para onde vais? A pergunta que os discípulos não fizeram ao Mestre eu faço a você agora. Se você deseja ir ao encontro da Verdade, da Vida e da felicidade, só existe um Caminho a seguir, Cristo. Escolha-O e o destino final de sua existência estará seguro, deixe-O de lado e as consequências serão terríveis e poderão ser eternas também.

Gelson de Almeida Jr.Quo Vadis?

Artigos Relacionados