Publicações com Felicidade

A felicidade que você persegue

A Noruega acaba de desbancar sua vizinha Dinamarca como o país mais feliz do mundo. O estudo divulgado pela Onu questiona a percepção de felicidade dos habitantes de 155 países e aponta para seis elementos essenciais nessa equação: a riqueza da nação (PIB), expectativa de anos de vida saudável, apoio social em momentos de dificuldade, confiança no governo e na economia, liberdade para fazer escolhas de vida e generosidade.

É curioso que os países no topo desse ranking sejam em geral nações com uma percepção de coletividade bastante desenvolvida. Os EUA, por exemplo, ficam em 14o na lista e sua posição só piora, não importa o quanto sua economia esteja caminhando bem. Alguns analistas explicam essa tendência pela própria noção de felicidade que os americanos têm cultivado. O “sonho americano” tem um forte viés individualista.
Weissbourd, no livro que já citei “Os pais que queremos ser”, afirma que os pais americanos estão tão obcecados com a felicidade dos filhos que acabam exagerando na exposição deles à contrariedade e à frustração. Dizer não para um filho parece ser um tabu em boa parte do país.
Como, diferentemente dos países nórdicos, os EUA (pelo menos os EUA pré-Trump) são bem mais abertos à imigração, é interessante notar como o choque de culturas revela certas características da nação e enfatiza aspectos que passariam desapercebidos. “Embora grande número de imigrantes chegue ao país em condição de pobreza, os filhos que trazem (e isso vale para quase todos os grupos de imigrantes) saem-se, de maneira geral, melhor que seus irmãos nascidos nos Estados Unidos em quase todas as escolas e em praticamente todas as avaliações de saúde física, mental e moral,” afirma Weissbourd baseado em diversas pesquisas. “Apesar de as experiências que essas crianças vivenciam nos Estados Unidos serem, sem dúvida, muito variadas, em geral elas demonstram menor tendência à delinquência, a apresentar problemas de comportamento, a usar drogas e apresentar os tipos de problemas que impedem o estabelecimento de relacionamentos saudáveis e afetuosos.” 
 
Infelizmente, o tempo exposto à cultura americana estraga tudo. “De forma geral… quanto mais tempo esses filhos de imigrantes nascidos no exterior permanecem no país… piores se tornam seus indicadores de saúde, seu desempenho escolar e seu caráter. Um dos fatos mais desoladores é que, à medida que cresce a proficiência no inglês, cai o desempenho nos estudos…. Quanto mais tempo permanecem no país, ao que parece, mais tendem a desrespeitar os adultos e exibir comportamentos problemáticos, como o uso de drogas e delinquência”.
 
É como dizia Albert Camus, ecoando Jesus Cristo de alguma forma: “não há vergonha em alguém ser feliz, mas seria vergonhoso ser feliz sozinho”. Especialmente porque a felicidade sozinha-individualista-egoísta é necessariamente menos feliz.
Marco Aurélio BrasilA felicidade que você persegue
leia mais

Ano Novo, Vida Nova II

Em minhas duas últimas reflexões falei da importância de se escolher bem os companheiros de viagem e de se criar uma mentalidade e hábitos diferentes para que essa jornada, chamada 2017, seja um sucesso.

O escritor Robert Kiyosaki afirma que devemos tomar cuidado com as pessoas a quem pedimos conselho, ele afirma que pede conselhos apenas para os que estão onde ele pretende chegar. Uma sábia decisão e um conselho muito valioso. Realmente não é sábio ficar ouvindo conselhos de quem está longe de onde pretendemos chegar. Fica então uma pergunta: Onde você quer chegar? Gosto muito de duas frases que dizem que todos os ventos são contrários para quem não sabe onde quer chegar e que aquele que não sabe onde quer chegar não chega a lugar algum.

Portanto, não seremos interesseiros se nos cercarmos daqueles que tornarão nossa jornada mais tranquila e fácil, seremos inteligentes. Em seu livro de Provérbios, Salomão dá um sábio conselho: “Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos” (16:3).

Trabalho, dedicação, inteligência e cercar-se de pessoas bem-sucedidas tornarão 2017 um ano bom, mas consagrar-se, bem como todos os objetivos, pensamentos e atos ao Eterno, tornarão 2017 um ano formidável, espetacular, inesquecível. Torne 2017 seu melhor ano.

Gelson De Almeida Jr.Ano Novo, Vida Nova II
leia mais

Perdão

perdaoQuando os primeiros missionários chegaram ao Polo Norte, ao falar do amor de Deus e de Seu perdão, procuraram a tradução da palavra, mas descobriram que ela não existia no idioma dos esquimós. Buscaram então um termo que se aproximasse e encontraram “não pensar nisso nunca mais” e passaram a usá-lo sempre que queriam se referir a perdão.

Quando se fala em perdão, percebemos existir muita diferença entre o perdão divino e o perdão humano, enquanto o Eterno perdoa e esquece, nós, afirmamos perdoar, mas não esquecemos, isto é, permitimos que a ação do outro influencie nosso cotidiano. Pesquisando sobre o assunto encontrei algumas frases sobre perdão que achei lapidares:

Perdoar não é esquecer, isso é amnésia. Perdoar é se lembrar sem se ferir e sem sofrer, isso é cura”.

 “Quer ser feliz por um instante? Vingue-se. Quer ser feliz para sempre? Perdoe.

“Perdoe os outros não porque mereçam perdão, mas porque você merece paz”.

Dias atrás conversei com alguém que está com sérias dificuldades para perdoar algumas pessoas que lhe causaram um mal muito grande. Por mais que instasse, falando de nossa obrigação, como cristãos, em perdoar, essa pessoa entendia que o dano que lhe fora causado era por demais grandioso para ser perdoado. Pedi-lhe que se imaginasse no lugar de Cristo após ser preso, ser levado a julgamento, ser achincalhado pela turba e, por fim, ser crucificado. Não precisou de muito tempo para me dizer que Cristo era perfeito, por isso perdoara, mas que, humana e falha como era, não perdoaria.

O fraco nunca pode perdoar. Perdão é um atributo dos fortes” M. Gandhi. Qual é sua atitude quando lhe ferem? Lembre-se que o Eterno o perdoará do mesmo modo que você perdoa seus semelhantes, essa grande verdade já estava expressa na oração ensinada por Cristo aos discípulos (Mateus 6:12). Perdoe, não porque você é superior ou porque os outros mereçam, mas para ser feliz e ser perdoado pelo Pai.

Gelson De Almeida Jr.Perdão
leia mais

Quo Vadis?

caminhosPara onde vais? Ao longo do Seu ministério Cristo foi questionado várias vezes, inclusive pelos doze, mas, pouco antes de ser crucificado, quando falava da vinda do Consolador e de Seu retorno aos Céus, queixou-se dos discípulos por não lhe haverem feito essa pergunta (João 16:5).

Hoje, enquanto dirigia e refletia sobre o episódio, entendi um pouco mais sobre as razões de Cristo ter sido tão íntegro e firme ao longo de Sua vida entre nós. Ele fez o que fez, porque sabia de onde viera e o que deveria fazer aqui, pois conhecia muito bem seu destino final. Isto deu sentido à Sua Missão e Ele permaneceu firme em todas as ocasiões em que foi confrontado pelo mal.

Diferente dEle, vivemos como se o amanhã não existisse, erramos por não focar nossa vida no destino final. Por desconhecer para onde vamos, embarcamos em viagens agradáveis, mas cujo destino final é catastrófico (Provérbios 14:12). A vida oferece caminhos que não levam a lugar algum, curvas e atalhos que nos conduzem a precipícios, túneis que são escuros e sombrios do começo ao fim.

Lewis Carrol afirma que para quem não sabe para onde vai qualquer caminho serve. Para onde vais? A pergunta que os discípulos não fizeram ao Mestre eu faço a você agora. Se você deseja ir ao encontro da Verdade, da Vida e da felicidade, só existe um Caminho a seguir, Cristo. Escolha-O e o destino final de sua existência estará seguro, deixe-O de lado e as consequências serão terríveis e poderão ser eternas também.

Gelson De Almeida Jr.Quo Vadis?
leia mais

Check list

Faça aí sua listinha das coisas que você precisa para ser feliz.

Dinheiro?

Aquela moto/aquele carro?

Namorado/namorada/marido/esposa?

Filho/filha?

Aquela viagem?

Um celular melhor?The questionnaire

Amigos mais leais?

Uma igreja melhor?

Faça aí a sua listinha das coisas que você precisa para ser feliz.

Conseguir emagrecer?

Fazer academia?

Parar de fumar?

Conseguir se desvencilhar daquele relacionamento doentio?

Ser notado?

Ser respeitado?

Faça aí a sua listinha.

E então use um pouco a razão e considere o seguinte:  Porque ele [Deus] nem mesmo deixou de entregar o próprio Filho, mas o ofereceu por todos nós! Se ele nos deu o seu Filho, será que não nos dará também todas as coisas? (Romanos 8:32).

Tudo o que você realmente precisa para ser feliz, você acha que Ele negará?

Grande é o nosso Deus, meu amigo!

 

 

Marco Aurélio BrasilCheck list
leia mais

Como ser Feliz

FelicidadeQuem não quer ser feliz? Todos nós, de uma maneira ou outra, procuramos a felicidade. A razão de muitos em não encontrá-la está no fato de acreditar que a mesma ou é o caminho ou é o destino e não um Caminho e um Destino específicos.

A maioria das pessoas acredita que a felicidade está no futuro. “Serei feliz quando comprar aquele carro.” “Serei feliz quando construir aquela casa.” “Serei feliz quando ficar rico” etc.

Também há aqueles que acreditam que a felicidade não é o destino e sim o caminho. Que a felicidade não está na riqueza a ser conquistada ou nos objetivos traçados e sim na peregrinação para atingir tais metas.

Ambas as visões de felicidade, apesar de bonitas e fazerem sentido, estão incompletas. Esperar um bem-estar só quando atingir determinada meta pode ser perigoso, pois a pessoa que a atingir acabará, naturalmente, traçando outros objetivos e depondo neles, mais uma vez, toda a esperança de sua vida.

Já os que acreditam que o segredo está no caminho esquecem que o destino é que determinada qual será a jornada, ou seja, o fim está intimamente ligado com o meio.

Jesus disse uma vez: “Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim” (João 14:6). A felicidade é o Caminho (Cristo) e, ao mesmo tempo, o Destino que Ele conduz (Pai). A felicidade, assim como a Paz (ow.ly/GH0lh), é uma Pessoa, o próprio Deus, o princípio e o fim (Apocalipse 22:13).

Para ser feliz é preciso seguir por este Caminho que leva ao Destino mencionado. Em outras palavras, para ser feliz é preciso viver como Jesus viveu, fazer o que Ele fez e orar como Ele orou.

Gostaria de viver essa experiência hoje mesmo? Faça o seguinte exercício: antes de qualquer decisão, seja grande ou pequena, pergunte para Cristo o que Ele faria em seu lugar. Experimente e seja feliz agora.

(Mateus 5:11)

ComunicaçãoComo ser Feliz
leia mais

Receita para um Ano Novo – Parte II

Semana passada falei de deixar todo o tipo de ressentimento e mágoa para trás. Hoje quero dar outra dica para a sua receita para um Ano Novo feliz. Em Filipenses 3:13 Paulo afirma que deixava o passado para trás, mas que fixava seu olhar no que estava à sua frente, rumo ao alvo que tinha proposto em sua vida. Continuando sua explanação Paulo mostra qual era o objetivo pelo qual procurava viver, pelo qual lutava diariamente, a vida eterna na cidade que está nos Céus.

Diariamente buscava a perfeição em Cristo Jesus o seu Salvador, o Único que ele entendia valer a pena seguir ou copiar o exemplo. Nada, nem ninguém, por melhor que fosse, atraía o seu interesse, tudo que o mundo pudesse oferecer de bom ele considerava como escória (v. 8), pois jamais faria com que atingisse seu objetivo.

Aqui no Brasil, ao final de cada ano, existe a “Mega da virada”. Dias atrás vi uma reportagem onde os entrevistados deviam dizer o que fariam se ganhassem esse prêmio. Foi interessante ver que carro, casa e viagem foram itens comuns a todas as respostas. Se você escolher o Eterno como o Senhor de sua vida não precisará desse prêmio para ter isto e muito mais. Afinal Ele prometeu que daria uma mansão para cada um de seus filhos (João 14:2), prometeu que na Nova Terra não haverá mais nenhum tipo de dor ou sofrimento (Apocalipse 21:4), prometeu que viajaremos pelos ares como os anjos (2 Tessalonicenses 4:17) e, o mais fantástico de tudo, seremos imortais (1 Coríntios 15:52 a 55).

Não existe verdadeiro Ano Novo sem felicidade. Não existe felicidade no Ano Novo sem esperança. Não existe esperança no Ano Novo se Cristo não estiver em primeiro lugar em sua vida. Escolha certo e tenha um Ano Novo de verdade e feliz.

Gelson De Almeida Jr.Receita para um Ano Novo – Parte II
leia mais

Chegou o Natal

Acabou a espera, hoje é Natal. Época de trocar presentes, visitar ou receber parentes e amigos, a chegada das férias, oportunidade de fazer uma viagem, enfim uma data especial e cheia de magia. É um dos únicos momentos onde as pessoas se cumprimentam, trocam sorrisos e afagos mesmo sem possuir muita ou nenhuma identificação. O comércio deturpou a comemoração, mas a magia da data persiste, porque neste dia comemoramos o nascimento do Príncipe entre nós. O Deus encarnado que veio nos dar esperança, paz e tranquilidade mesmo vivendo em um mundo conturbado e cheio de problemas e dificuldades.

Enquanto lê esta reflexão, talvez ainda sinta os efeitos do dia de ontem, cansaço (os preparativos foram muitos e intensos), alta sensação de saciedade (mais conhecido por barriga cheia afinal comeu mais que devia), sonolência (foi dormir muito tarde), euforia, ressaca (para os que se excederam no álcool), etc. Afinal  o quê você comemorou o nascimento do Salvador ou uma festa como outras tantas que já participou em sua vida? Você não acha, sinceramente, que ter estado em um culto ou elevado uma prece ao Céus, antes de comer, bastou para receber o Eterno em sua casa, em sua vida? Você se lembrou dEle, que bom; você foi à casa dEle, muito bom, mas isto ainda é pouco.

O Filho veio como o melhor presente de amor do Pai para a raça humana (João 3:16).sendo o aniversariante, nada mais justo que lhe presentear, mas com o quê? Ele não precisa de suas posses, pois tudo perence a Ele, inclusive você (Salmo 24:1). Neste dia, como em qualquer outro, Ele deseja apenas uma coisa, o seu coração (Provérbios 23:26). Ele deseja ser o centro de sua vida, quer ser o primeiro, o melhor e o último. Não porque seja ciumento ou possessivo, mas porque sabe que só Ele pode lhe dar tudo que precisa. O que você está esperando? Pare agora com tudo e converse com Ele, diga quanto o ama, entregue-se a Ele e o restante do Natal, de 2013 e de toda a sua vida será maravilhoso.

Gelson De Almeida Jr.Chegou o Natal
leia mais

# Seja Feliz !!!

O apóstolo Tiago inicia sua carta dando conta da verdade sobre as provas e tentações desta vida. Cumpre-nos dizer que o diferencial para todo cristão é a fé em Deus, e em Sua obra de redenção realizada por Jesus. E é por intermédio desse diferencial que Tiago nos revela a sabedoria para vivermos o tempo que temos sobre a terra.

O Mestre ensinou que neste mundo teríamos aflições, mas que mantivéssemos o ânimo, a fé, pois Ele que vencera o mundo estaria conosco todo o tempo. Tiago a esse assunto reporta ao início de sua carta. Diz ele: “Tende por motivo de alegria passardes por provações, sabendo que a prova da fé desenvolve a perseverança”. E completa, ao dizer que a perseverança deve terminar a obra, para que sejamos maduros e completos, não tendo falta de coisa alguma.

Muitas vezes nos apresentamos ao mundo cheios de dúvidas, lamentações, não sabendo como agir diante das provações, ou mesmo de simples decisões a serem tomadas ao longo da vida. Os conceitos do mundo são tão convincentes que nos impelem a pensarmos segundo os padrões humanos, e não como filhos de Deus que somos, gerados pela palavra da verdade para sermos as primícias das Suas criaturas, conforme relata o apóstolo. Escreveu ele ainda, que a verdadeira religião é também mantermo-nos incontaminados pelo mundo.

O que diz o mundo o que seja ser feliz? Fama? Dinheiro? Todos nós passamos como a erva que é lançada para ser queimada. Ser feliz é possível quando reconhecemos a necessidade de nos despirmos dos conceitos mundanos, estes que por vezes nos obscurecem a sabedoria. Suas decisões estão em conformidade com as lições do Pai? Então siga sua vida em paz, realizando aquilo que de fato te faça feliz, sem importar-se com padrões e conceitos mundanos para o que seja ser feliz.

Se nos deixarmos ser lançados de um lado a outro como a onda do mar, vacilantes, em busca do que pareça ser o reflexo da felicidade, o tempo passará e não a conheceremos. A felicidade que o espera, pode estar no fato de se despir de velhos conceitos. Não confunda conceitos morais, ensinados pelo mundo, com os conceitos que se tornam sem sentido quando se conhece a verdade. O que importa é que seus conceitos sejam confrontados com a Palavra de Deus.

Em tudo devemos submeter nossa vida a Deus, pois nem uma folha cai sem que o Pai o permita, por isso importa que tenhamos uma vida dependente e obediente aos preceitos divinos, pois só assim atingimos o verdadeiro equilíbrio que nos traduz felicidade. Dizemos sempre, parafraseando versos do referido apóstolo, hoje iremos a tal cidade, negociaremos e ganharemos. Ora, não sabemos o que acontecerá amanhã. O que é a vida? Pergunta Tiago. Ele mesmo responde: Um vapor que aparece e logo desvanece.

Que a verdadeira felicidade, traduzida pelo conhecimento da verdade, que nos ensina que há um só Deus, e que há uma promessa de felicidade eterna, não dependendo de nada que o mundo conceitue, possa, enfim, ser encontrada por todos.

Shabbat Shalom.

Sadi – Um Peregrino da Palavra.

Sady Folch# Seja Feliz !!!
leia mais

Remando Contra a Maré

É questão de esforço ou prazer?
—————————————

Seguir a Cristo na sociedade contemporânea parece um pesado fardo: ter que declinar eventuais interesses que a mídia exalta como importantes para a auto-afirmação do indivíduo e seu respectivo sucesso, acaba repercutindo como loucura aos olhos de quem segue as tendências de comportamento e consumismo vigentes.

Afinal, os princípios se tornaram tabus: sobriedade, virgindade, fidelidade, honestidade, gentileza, altruísmo e outras características antes consideradas virtuosas não são defendidas por nenhuma bandeira ou movimento social. Pelo contrário, tais virtudes são apontadas como antiquadas, caretas ou justificadas pelo comportamento de terceiros: “todo mundo faz, o mundo mudou”.

O apóstolo Paulo trata deste tema dizendo que “a loucura de Deus é mais sábia que a sabedoria humana e a fraqueza de Deus é mais forte que a força do homem”. Deus escolheu o que para o mundo é loucura para envergonhar os sábios e os fortes, a fim de que ninguém se vanglorie diante dEle, mas sim nEle. (1 Coríntios 1:25-31)

A pressão é enorme. Por outro lado, agir de acordo com a sabedoria divina é como um tapa de luva de pelica naqueles que não dormem com a consciência tranqüila ou sofrem inquietação em busca de uma felicidade baseada em futilidades. Quem busca os ensinos de Deus de todo o coração, não sente o cansaço de remar contra a maré, mas sim o prazer de seguir os ensinos de um Pai amoroso.

ComunicaçãoRemando Contra a Maré
leia mais