Publicações com Poder divino

# Uma Vida com Sentido

Aproveito a deixa do pastor sobre a necessidade dos pais, membros da igreja adventista, em proporcionarem aos seus filhos a oportunidade de participarem do Clube dos Desbravadores, para mencionar algumas ideias sobre saúde e alimentação. O Clube dos desbravadores é uma perfeita extensão da boa formação que já acontece na igreja, pois reitera não apenas os princípios cristãos ensinados nos cultos e em casa, mas também ao desenvolver suas atividades, ensina-os o convívio em grupo e o respeito a ele inerente, sem dizer que esclarece desde cedo as benesses dos princípios de saúde às nossas crianças, adultos que serão daqui a quinze, vinte anos.

É como diz a passagem bíblica. “Ensina a criança o bom caminho que deve andar, e mesmo quando for velho não se desviará dele” (Prov.22:6). Há um documentário na internet chamado “muito além do peso”. Nele se retrata os hábitos alimentares das crianças brasileiras. É bastante esclarecedor; para não dizer aterrorizante. E de fato esta é a palavra mais certa que resume o quadro vivido pela geração que irá renovar a sociedade com novas famílias e novos profissionais daqui a dezoito, vinte anos.

Entre as crianças entrevistadas em meio ao panorama do recreio, todas sem exceção comiam uma sacola de biscoitos ou bolos processados, acompanhados de achocolatados ou sucos de caixinha. E segundo elas mesmas, seria uma vergonha comer uma fruta na hora do recreio, pois seriam diferentes de todos à sua volta, e criança nenhuma quer passar por isso. Nem preciso dizer que as mais obesas sentem-se cansadas na hora da educação física.

O resultado parcial disso, enganoso em todo o contexto, é uma população adulta convencida pelos alimentos industrializados. O resultado são crianças cansadas ao mínimo esforço que façam. Moral da história acaba na preferência de dez em dez crianças do mundo, por ficarem 5 horas em frente da televisão. Apertar um botão em jogos eletrônicos em um quarto fechado, acompanhado de um saco de batatas fritas e refrigerante parece ser o paraíso de muitas delas.

Enfim, é a sociedade em que vivemos, e estamos no mundo, mas lembremos sempre, não somos do mundo, e podemos e devemos nos transformar, e aos nossos filhos, pela renovação de nossa mente, para conhecermos qual a boa, perfeita e agradável vontade de Deus.

Princípios de saúde adventistas tais como – ar puro; luz solar; descanso; exercício físico; ingestão de água e alimentação apropriada são práticas que todos devem buscar para estarem bem física e espiritualmente. E são estas algumas das práticas ensinadas às crianças no Clube dos Desbravadores.

Por isso, pais, vocês que têm filhos pequenos, não deixem de seguir o bom exemplo dos pastores da Nova Semente, e neste domingo, assim como no próximo, às 9 da manhã, se dirijam à sede da Central Paulistana na Rua Taguá, no bairro da Liberdade, e conheçam mais sobre o que seus filhos poderão aprender no Clube dos Desbravadores para se tornarem adultos saudáveis, e assim não terem que um dia darem a resposta que deu uma das crianças entrevistadas no documentário acima mencionado.

Ao ser questionada se lhe faltava alguma coisa em sua vida, a criança de dez, onze anos, pertencente à classe média, com um saco de biscoitos na mão, respondeu: Falta sentido!

Shalom Aleichem!

 adi – Um Peregrino da Palavra

Sady Folch# Uma Vida com Sentido
leia mais

# A sabedoria da Palavra

Só mesmo a sabedoria da Palavra, que nos diz como posicionar as velas em proveito dos ventos, a fim de navegarmos com firmeza em meio às tempestades que nos golpeiam, tornar-nos-á reconhecidamente vencedores, fazendo-nos surgir incólumes pela transparência que nos permitirá navegar as águas tranquilas. 

Shabbat Shalom!

adi – Um Peregrino da Palavra

Sady Folch# A sabedoria da Palavra
leia mais

# Construindo um novo homem

Estive ao longo desta semana meditando nas palavras do pastor Kleber que deram conteúdo ao  segundo episódio da série – Em Obras – no sábado à tarde. Dizia ele reproduzindo a sabedoria colhida dos frutos bíblicos: “Se você buscar por vitórias em sua existência mantenha sua vida baseada pela fé, e para tanto, viva com confiança; tenha uma atitude positiva; viva com coragem; viva mediante obediência a Deus”.  Isto trouxe a mim um ponto de vista diante da vida bastante esclarecedor, pelo tanto que se tornou renovador de meus pensamentos.

Uma irmã que é membro da Nova Semente, na manhã deste sábado testemunhou algo importante. Cremos muitas vezes que somos seguros de nós mesmos, mas há momentos em que a vida nos leva a provações onde corremos o risco de questionar a fé e mesmo perdê-la. Isso pode acontecer com um pastor, como disse ela ao ouvir um testemunho semelhante.

Acreditar na Palavra por ser a verdade, é no mínimo uma atitude sábia; Respeitar ao Espírito de Deus, demonstração de prudência; temer a Deus como o princípio da sabedoria, comprovação de que anda pelo caminho certo. No entanto, ainda assim, mesmo com o reconhecimento de todos estes bons testemunhos, podemos andar vacilantes pela vida, sem perceber que o frasco que contém o antídoto para uma vida de vitórias esteja presente em dois aspectos muito próximos de nós quando conhecemos a mensagem de salvação. O conhecimento prático da Palavra e a entrega total de nossa vida nas mãos de Deus.

Todos nós precisamos dessa dependência. Alguém pode achar que conhecendo a palavra profundamente, participando dos cultos, dizendo sábias palavras e se comportando exemplarmente em meio aos irmãos seja o bastante para transformar sua vida. E o é, se de fato entregar sua vida em dependência total a Deus.

Incertezas, medos, sentimento de inferioridade e pessimismo são produtos de uma vida que ainda não foi transformada, não se entregou ao novo nascimento, continua presa ao passado, aos falsos julgamentos que se lhe atribuíram em outros tempos, e pior, por pessoas que não conhecem o reino de Deus. Não temas, diz o Senhor. Não temas, o reafirma nosso Salvador Jesus Cristo. Não temas, repetem os pastores incansavelmente ao longo dos cultos, anos após anos.  O que falta a nós para que tenhamos o monte em nossas mãos?

A resposta tem sido dada há milênios desde que as escrituras começaram a ser escritas. Foi repetida há uma semana durante a série – Em Obras – pelo pastor. Olhar as coisas ao redor com fé.  Olhar o futuro com confiança, pois a fé gera a confiança. Ter uma atitude positiva, pois o Senhor é conosco e vai a nossa frente quando estamos com Ele. Viver com coragem para vencer, pois o Senhor nos garante – Não temas, Eu estou contigo. Se Deus é por nós quem será contra nós? E enfim, tudo isto só poderá acontecer mediante um novo nascimento, se obedecermos a Deus. Esse é o segredo. Obediência. Aí então podemos pedir: Senhor, dá-me este monte! E por maior e mais alto que seja, Ele o entregará em nossas mãos.

Shalom Aleichem!

Ṣadi – Um Peregrino da Palavra

Sady Folch# Construindo um novo homem
leia mais

eXtreme Deep Field

O título acima foi o nome dado à foto ao lado, postada pela NASA (Agência Espacial Norte Americana) ontem em seu site http://www.nasa.gov/mission_pages/hubble/science/xdf.html. A imagem, uma junção de fotos tiradas nos últimos dez anos pelo telescópio Hubble, mostra cerca de 5,5 mil galáxias. Foi denominada de eXtreme Deep Field (campo extremamente profundo, XDF na sigla original em inglês), pois é a imagem mais profunda que se tem do Universo.

Lendo a notícia pensei no poder de Deus, pois a primeira frase da Bíblia afirma que no princípio Deus criou os céus e a terra (Gênesis 1:1). Muito tempo depois Davi afirmou que, numa linguagem muda, os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra de suas mãos (Salmo 19:1-3). A cada imagem do Hubble os cientistas mais se maravilham ante a grandeza de um Universo que parece não ter fim, no que estão cobertos de razão, pois Cristo afirmou que o Pai trabalha até agora (João 5:17).

Após análise cuidadosa das imagens, os cientistas acreditam que a idade do universo chega a 13,7 bilhões de anos, isto sim é eternidade. E pensar que o Eterno, Criador e Sustentador de todas as coisas nos trata como filhos. Não simples filhos, mas como se não houvesse mais nada de interessante em todo o Universo.

Se, em algum momento, você tiver a sensação de não ser amado, valorizado, desejado ou coisa parecida, lembre-se, para o Criador você é único.

Gelson de Almeida Jr.eXtreme Deep Field
leia mais

Subindo e descendo carregado para sair andando III

O relato da cura do paralítico (Lucas 5:17-26) mostra que nada deve nos impedir do encontro com o Eterno e que, quando vamos ao Mestre, Ele não cura apenas o corpo, Ele cura a alma também. Mostra ainda que o homem foi descido por um buraco no telhado, pois não conseguira passar pela multidão. Mesmo sendo portador de necessidades especiais, ninguém lhe deu valor ou respeitou sua situação, mas após se encontrar com Jesus, ser curado foi restabelecido na sociedade, abriu-se um lugar para ele no meio da multidão, de tal modo que apanhou sua cama e saiu glorificando a Deus.

Muitos se sentem rejeitados ou marginalizados, sentem-se invisíveis, mesmo em meio a uma multidão. O relato do paralítico mostra que se a sociedade nos rejeitar Deus nunca nos rejeitará, mais ainda, para aqueles que se encontram com Ele e por Ele são curados e restaurados sempre haverá espaço na sociedade. Quem sabe você não alcance a posição que gostaria, mas, com toda certeza, você será reconhecido por onde quer que vá como alguém que teve um encontro com o Eterno e se tornou uma nova pessoa, pois sempre ocorre uma mudança positiva para os que “estão em Cristo” (II Cor. 5:17).

Todos que presenciaram a cura do paralítico deram glória a Deus, não seria bom se as pessoas dessem glória a Deus pelas coisas que Ele tem feito em sua vida? Pois então busque seu encontro com Ele mostre aos que o cercam o Seu poder, o resto Ele fará.

Gelson de Almeida Jr.Subindo e descendo carregado para sair andando III
leia mais

Lições da Cova III

É interessante ver como Deus prepara as coisas para os Seus filhos. Nas duas últimas semanas escrevi sobre um assunto sem imaginar que seria muito beneficiado, pois passaria por uma grande prova em minha vida. Meus pais foram envolvidos em um acidente automobilístico e o estado de saúde de minha mãe se tornou muito preocupante nesta última semana. Apesar da idade e do politraumatismo que ela sofreu tudo está se resolvendo a contento. Mais que nunca o Eterno teve que me amparar em Seus braços.

Ao analisarmos alguns personagens que estiveram na cova vemos que é no momento da “cova” que a presença do Eterno é mais fortemente sentida. Quando Daniel esteve na cova Deus enviou Seus anjos para que o protegessem, quando os três hebreus foram lançados na fornalha o Eterno se postou ao Seu lado em pessoa, quando José foi lançado na cova, enquanto os irmãos decidiam como e quando matá-lo, Deus enviou uma providencial caravana que o levou para o Egito.

Esta semana Deus me mostrou que mesmo que duras provas possam se abater sobre nós, Ele está tomando todas as providências para que a situação se resolva e bem. Mais que nunca, vi que na dificuldade, na angústia e na dor, quando o sentimento de impotência era muito grande havia Alguém ao meu lado, Alguém que tudo vê, tudo sabe e tudo dirige. O Deus que esteve ao meu lado esta semana, sempre estará ao seu lado. Creia, confie, acredite.

Gelson de Almeida Jr.Lições da Cova III
leia mais

E na hora da tempestade…

 “Levantas-me sobre o vento, fazes-me cavalgar sobre ele…” Jó 30:22

Em viagem, dias atrás, comecei a meditar na grandiosidade de Deus e na força de suas promessas. Embora a viagem tivesse começado com o dia ainda escuro e, em meio a instabilidades climáticas, quando amanheceu vi um sol resplandecente e não percebi sinais da tempestade. Voávamos acima das nuvens que causavam a tempestade. Durante minutos olhava pela janela e meditava no poder do Eterno. O texto de hoje é parte de um relato que Jó faz acerca da situação miserável em que se encontrava. Em meio ao relato de crise total, Jó coloca uma profunda verdade acerca do nosso Deus. Não há tempestade que esteja acima dEle, pelo contrário, Ele está acima de todas as tormentas que possam ocorrer em nossa vida.

Talvez este início de ano não esteja sendo aquilo que voce esperava, pois as provas, tristezas, lutas e ansiedade já se abateram sobre voce, pode ser ainda que sua situação seja de relativa tranquilidade, não importa qual seja a sua situação, a grande verdade está aí, muito acima de nós e de qualquer problema que possa nos afligir ou de qualquer tormenta que venhamos a enfrentar, existe um Deus, um Deus que nos levará sobre toda e qualquer tormenta e fará com que estejamos em segurança. Um Deus que caminha entre a tormenta e cujas nuvens são o pó de seus pés (Naum 1:3).

Gelson de Almeida Jr.E na hora da tempestade…
leia mais