-

Alcances

mbTenho o hábito de publicar em minha página da rede social, ou em um blog que mantenho, apenas textos que levem os leitores a terem contato com mensagens positivas. Entendo que essa iniciativa possa alcançar pessoas que tenham falta de incentivo ou compreensão em alguma área de sua vida. Tendo acesso à informação ela poderá pensar melhor os rumos que toma ou deixa de tomar.

Tais mensagens buscam analisar a postura que devemos ter para alcançarmos a realização de nossos sonhos, de nossos projetos. No mesmo diapasão, e em especial, estendo-as a partir dos contextos encontrados na palavra de Deus. Sim, pois, nas escrituras podemos encontrar aconselhamento para qualquer situação da vida, seja pessoal, profissional, espiritual ou familiar.

A palavra de Deus, cumpre dizer, nos permite buscarmos mais do que aconselhamentos, mas observarmos os detalhes de Seus cuidados para conosco, sobretudo para que alcancemos a vitória maior que é o retorno definitivo ao Seu convívio. É de nossa natureza sermos imperfeitos, e por isso aos sábios, a dependência e a obediência a Deus.

Convém ressaltar, no entanto, que os aconselhamentos positivos que nos permitem estratégias, por exemplo, para alcançarmos vitórias na vida profissional, não são conceitos fechados que nos traduzam a garantia de sermos vencedores. Por certo que não, ainda que estando em Deus, nos diz o Messias, tudo o que pedirmos ao Pai, em nome de Jesus, nos seja concedido.

É preciso compreender a existência com o olhar da máxima cristã que diz; “onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração”. Independente de alcançarmos uma vida profissional brilhante ou vivermos em uma família equilibrada, pois há muitas variantes na vida que só Deus pode explicar, um aspecto pode e deve ser foco de nossa atenção: a vida espiritual.

Posicionarmo-nos vitoriosamente no campo espiritual independe de qualquer circunstância que estejamos passando. Vencer significa conseguirmos vivenciar, sobretudo, a santificação. Dirigidos pela palavra de Pedro em sua carta, enquanto recorda as passagens de Levítico 11, 19 e 20, observaremos que o viver deve ser santo, pois o Senhor é Santo.

Sou perfeito, vitorioso ou santo porque escrevo meditações positivas ou evangélicas? Não, por certo que não, contudo, por elas testemunho as minhas imperfeições, o meu procedimento, buscando viver em santidade, voltado para a salvação que é o objetivo, para Cristo que é o modelo e para Deus que é o mantenedor. Só aí posso afirmar, independente do contexto ao meu redor: Sim, por me santificar, sim, eu sou mais que vencedor.

Nada pode nos tirar essa certeza, por isso ao ler o que escrevo, compare às escrituras, depois encontre seu próprio prumo, ouvindo-me apenas no diapasão do que disse Paulo: “Sede meus imitadores, como eu sou de Cristo”.

Sadi – O Peregrino da Palavra

 

Sady FolchAlcances

Artigos Relacionados