-

#Encarando as tempestades

encarando-a-tempestade1Pare e pense: a que se pode comparar uma situação de tempestade na companhia de Deus. Antes de seguir, me cumpre dar graças ao Eterno pela igreja que congrego, especialmente porque ali ouço a verdade quanto ao entregar de minha vida nas mãos de Deus. Esse ato que é o mais importante em toda a existência humana não significa ausência de possíveis tempestades, e tampouco que tal acontecimento seja sinônimo de falta de posicionamento ou de bênção.

Viver uma tempestade pode significar uma oportunidade de se viver uma bênção sem medida. Sim, pois apenas quando o ouro passa pelo fogo é que se torna purificado para a construção da coroa ou do cetro de um rei. Assim também as pedras preciosas em estado bruto necessitam a lapidação perfeita para servirem em situações de honra.

Ao entregar nossas vidas aos caminhos do Eterno, não o fazemos para viver um século de bênçãos tão somente. Fazemos porque há uma promessa de honra sem igual em toda a existência, qual seja vivermos na presença dos seres mais puros que existem – dos anjos, do Espírito Santo, de Cristo e do próprio Criador – e em um estado de vida inigualável.

Algumas de nossas tempestades são permitidas para o nosso crescimento e isso deve ser encarado também como uma bênção, pois se devidamente compreendida acrescentará benefícios que nos conduzam à vida eterna. Devemos entender que o Senhor está no comando de todas as coisas e precisamos interagir com Ele também nessas ocasiões.

Quem conhece a área do marketing e do coaching sabe bem que é impossível sair de uma palestra dessas sem se sentir totalmente motivado e convencido de que é possível vencer, contudo, se não colocarmos em prática os ensinamentos que ali recebemos, inclusive para superar dificuldades, aquilo tudo acaba por se perder.

Estar uma tempestade na companhia de Deus é algo incrivelmente vitorioso, primeiro porque estamos com Ele e isso é fantástico; segundo, porque se percebemos a oportunidade, podemos superar dificuldades e isso deve ser encarado como uma bênção que nos lapida e nos purifica durante a jornada.

Logo, é importante saber que aqueles que passam pelas tormentas na companhia do Eterno são pessoas tão fortes que poderiam viver qualquer coisa sem se abalar, tornando-se um testemunho precioso, assim como ao se deixar nas mãos de Deus, alcança o homem um nível de consciência tão expandido que se pode dizer que ele conheça a vida como poucos.

Encarar essas experiências não têm preço quando o fazemos com sabedoria e na companhia de Deus. Se isso ocorrer na sua vida, não perca a oportunidade de se posicionar e tornar o que aos olhos do mundo pareça infortúnio, uma bênção para o seu crescimento.

Sadi – o peregrino da palavra

Sady Folch#Encarando as tempestades

Artigos Relacionados