Últimas Publicações

Frutos do Testemunho

Hoje qualquer pessoa com acesso à internet pode se beneficiar do conhecimento do tema que desejar: educação a distância, estudar a palavra de Deus, tomar conhecimento de discussões políticas. Saber o que se passa no mundo em tempo real se tornou parte de nossas vidas. E isso é bom.

Contudo já percebeu como se perde tempo precioso nas redes sociais, sobretudo participando de seus discursos inflamados, sem dar bom testemunho? Se nos permitimos estar conectados, uma coisa é certa: podemos nos beneficiar do conhecimento e ao mundo com bom testemunho; do contrário, apenas nos desviamos das coisas do Reino, sendo contaminados por discursos pontuados pela linguagem do mundo.

Cumpre ressaltar que muitas das manifestações ali presentes são pertinentes, afinal, testemunhamos a todo momento atitudes vis que destoam sobremaneira da moral e dos bons costumes, causando-nos profunda indignação. No entanto, qual a atitude do discípulo do Cristo, senão aproveitar para acrescentar conteúdo que expresse a necessidade do perdão, da oração, do perfil de Cristo. Quem ao escrever ou comentar tais notícias, faz da essência de seus comentários o enaltecer do Reino de Deus? Acaso o cristão está sendo tomado de surpresa pelos acontecimentos recentes?

Passei a questionar esse tipo de posicionamento no momento em que me deparei enredado por tais demandas, sentindo-me contaminado por toda essa celeuma. O que estou fazendo, ocupado com coisas que nada acrescentam, permitindo-me emaranhado a essas contendas? Não sei eu que a vinda de meu Senhor será em um piscar de olhos? Não sei eu que serei cobrado pelo o que disse, ao emitir opiniões mundanas para pessoas do mundo? Tal ocupação ou conteúdo é aprovado por meu Senhor?

Precisamos nos conscientizar do que estamos fazendo, com o que estamos alimentando a nossa mente, o nosso coração e o nosso espírito. Como podemos dizer que amamos se atacamos pessoas nos mostrando mais hostis ainda? Há alguém entre os que atacam tais atitudes vis, se ajoelhando em oração por essas pessoas?

Assim como uma passagem bíblica pode apresentar luzes diversas para um mesmo assunto, assim a nossa capacidade de nos observarmos constantemente, com isenção, sendo críticos em face de nossas ações. No mínimo traria mudanças em nosso comportamento, agradando a nosso Senhor que se ocupa nos preparando para o Seu reino. Os benefícios? Caridade, que é o amor divino colocado em prática; gozo, que é a própria manifestação da alegria; paz; longanimidade que é a expressão da tolerância tão esquecida; benignidade que é manifestação da gentileza; bondade, que é o ato de estender a mão a quem precise; fé que nada mais é que a constância em face da crença em toda promessa do Reino, venha o que vier sobre nossas vidas; mansidão, que é o sinônimo de doçura, serenidade e suavidade; e, por fim, temperança que é o domínio próprio tão necessário para não sermos vencidos pela carne.
Que a paz e a graça do Cristo estejam em sua mente e em seu coração. Feliz sábado.

Sady Folch – O Peregrino da Palavra

Sady FolchFrutos do Testemunho

Artigos Relacionados