-

# Paz diante da Injustiça

135517769822Quem nunca se sentiu indignado quando vivencia uma injustiça provocada pelas precárias instituições administrativas neste país. Pagamos impostos altos, comparados aos países de melhor qualidade vida no mundo, no entanto não temos nem mesmo uma mínima contrapartida em investimentos.

Estive com minha esposa em um hospital nessa madrugada, sendo um dos melhores públicos de São Paulo, no entanto o atendimento foi tão demorado e deficiente que nem preciso explicar a ninguém o quadro encontrado. Todos sabem bem sobre esse tipo de coisa no Brasil.

Pois bem, minha revolta foi tamanha, que quando me dei conta estava dizendo, pensando e sentindo coisas totalmente despropositadas para quem conhece e vive pelo equilíbrio do posicionamento de Cristo nessas situações, tanto quanto pelo reconhecimento que temos de quão passageira é a vida e a promessa que está sobre nossas cabeças.

Pela graça de Deus, logo em seguida fiquei mais calmo, pois no auge de minha indignação percebi que havia um limite para minha postura e comecei a diminuir o nível de minhas emoções. Por fim, acabei por sentir uma paz profunda que cheguei a estranhar, afinal você se depara com as maiores desumanidades e injustiças nesse lugar, e ainda tem que ouvir que a instituição serviria de modelo para países de primeiro mundo como os Estados Unidos.

Só mesmo tendo uma santa paciência para suportar esse tipo de humilhação. Contudo, avaliando o quadro à minha volta, percebendo que minha esposa estava se sentindo melhor, percebi que são os detalhes que realmente importam aqueles a que devemos nos atentar para viver a vida da melhor forma possível.

Todos sabem que os governos deste país são péssimos gerentes da coisa pública, conduzindo-a sobre uma plataforma de alto nível de corrupção, tornando nossas vidas praticamente um martírio enquanto tudo de nós é exigido e quase nada devolvido com dignidade. No entanto, garanto que não há nada que se compare ao amor de Cristo e a forma como somos tratados pelo Espírito de Deus quando nos encontramos nessas situações e nos atentamos ao conhecimento espiritual que recebemos para nos sustentar.

Uma coisa é certa nesta vida quando se tem uma experiência real com Deus, é muito fácil compreender que “nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo”.

Pois bem, a indignação é justa, contudo é preciso pensar o seguinte aspecto. Ainda que tenhamos um posicionamento de cobrar pela justiça, fazendo-o amparado pelos direitos e deveres fundamentais alcançados pelas sociedades democráticas, é necessário manter-se em paz.

Sim, pela misericórdia de Deus minha mulher melhorou antes mesmo de ser atendida e quando voltamos para casa com o dia amanhecendo, deitamos nossas cabeças no travesseiro com a certeza de que estávamos muito melhor do que as pessoas que “dirigem” as instituições político-administrativas deste país e que jamais souberam o que seja abençoar ao invés de amaldiçoar a vida das pessoas que não podem nem mesmo se defender em uma situação frágil como essa.

Feliz Sábado do Peregrino da Palavra!

Sady Folch# Paz diante da Injustiça

Artigos Relacionados