-

Procura-se

“Procuram-se homens para viagem perigosa. Salário baixo. Frio Extremo. Longos meses de completa escuridão. Perigo constante. O retorno não é garantido. Honra e reconhecimento em caso de sucesso”.


procura-seO anúncio acima, publicado no Times em 1907, a pedido do explorador irlandês Sir Ernest Shackleton, teve resposta de mais de 5000 candidatos. Mesmo não possuindo um histórico favorável de viagens ao Polo Sul, Shackleton conseguiu toda a tripulação que queria.

Por volta de 738 a.C., Isaías, viu, em visão, o Altíssimo assentado em Seu trono em glória e majestade, cercado de serafins que O louvavam. Diante de um Deus tão poderoso reconhece sua pequenez e diz: “ (…) ai de mim! Estou perdido! “. Instantes após ouve o Eterno perguntar quem Ele deveria enviar a falar ao Seu povo, Isaías, que acabara de passar uma experiência transformadora e redentora, diz: “Eis-me aqui, envia-me a mim” (Isaías 6: 1-8).

Continuamente o Eterno tem procurado homens e mulheres que se disponham a ajudá-Lo na tarefa de salvação da humanidade. Se fizesse um anúncio, com certeza diria que o trabalho nem sempre seria agradável, sem garantia de salário fixo e sucesso aparente.

Diria ainda que honra e reconhecimento dificilmente viriam por parte daqueles com quem se trabalhasse, mas, com toda certeza, ao final de todo o processo, todo aquele que se dispusesse ao trabalho, receberia uma mansão, numa cidade onde as ruas são de ouro, onde a morte, o pranto, o luto e a dor não existem e onde se vive para sempre. Completaria dizendo que, os que aceitassem o desafio, vencessem a tentação da inatividade e trabalhassem por Ele, e com Ele, reinariam ao Seu lado.

Cristo afirmou que a seara é grande e são poucos os ceifeiros (Mateus 9:37). O Eterno nunca fez um anúncio como o de Shackleton, mas, neste exato instante, está a lhe convidar para o trabalho em prol do seu próximo. Muitos tem aceitado o convite, mas poucos tem persistido no trabalho. “A quem enviarei eu, e quem há de ir por mim”? Esta é a pergunta do Eterno, qual é a sua resposta?

Gelson De Almeida Jr.Procura-se

Artigos Relacionados