-

Último inimigo

O último inimigo a ser destruído é a morte. 1 Coríntios 15:26 NVI

Steve Jobs, em um discurso de 2005 na Universidade de Stanford, tinha isso a dizer sobre a morte: “Ninguém quer morrer. Mesmo as pessoas que querem ir para o céu não querem morrer para chegar lá. E ainda a morte é o destino que todos nós compartilhamos. Ninguém jamais escapou dela.

Há alguma verdade na declaração de Jobs. Ele está certo quando diz que a morte é o destino que todos nós compartilhamos, e ninguém jamais escapou dela. A Bíblia ainda nos diz que a morte não é um amigo. A morte é um inimigo. A morte nunca foi parte do plano original de Deus.

Quando Ele colocou Adão e Eva no Jardim do Éden, Ele lhes disse para ficar longe da Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal. Mas uma vez que eles comeram do fruto proibido, o pecado entrou no mundo. E junto com o pecado veio a doença e envelhecimento e, é claro, a morte. Mas o que foi perdido nesse Jardim foi comprado na cruz do Calvário. Jesus veio para morrer na cruz para comprar de volta o que foi perdido. A Morte morreu quando Cristo ressuscitou.

A morte tinha de morrer – isso nunca foi parte do plano original de Deus.

Adriano VargasÚltimo inimigo